Transformações da internet das coisas

Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp

Nós vivemos na era da internet das coisas, que está transformando objetos em dispositivos smart por meio de conexões wi-fi e sensores. A previsão é que em 2020 existam 75 bilhões de conexões, o que significa que haverá implicações para consumidores e anunciantes.

A tendência é que os consumidores conectem o seu cotidiano a inúmeros devices, enquanto que, os anunciantes terão a oportunidade de entender os hábitos dos compradores e oferecer experiências em um contexto mais rico do que nunca.

Confira 4 transformações que a internet das coisas provocará:

1. Mensagens 1:1

A internet das coisas possibilita a coleta, mensuração e análise de uma variedade crescente de informações comportamentais que podem revolucionar o marketing segmentado de produtos e serviços e possibilitar a criação de experiências individuais.

2. Monitoração e serviço

Atualmente, já existem wearables que monitoram níveis de atividades, pressão sanguínea, temperatura corporal, etc. E os automóveis então? Eles ainda não são capazes de voar, mas a medida que dispositivos e sistemas forem integrados às máquinas, não faltará ofertas de combustível e você nunca mais se esquecerá de trocar os pneus. O carro smart fará uma auto-monitoração em seu sistema para avisar quando precisa de revisão ou reparos.

O serviço ao consumidor excelente. A marca que conseguir usar dados de saúde ou serviço diminui drasticamente o tempo de espera, melhorando a experiência do consumidor.

3. Dados do consumidor

A internet das coisas ajuda a gerar insights sobre a jornada do consumidor. Os dispositivos conectados poderão analisar os dados para informar onde estão os possíveis consumidores e em qual estágio do processo de compra eles estão.

4. Mudança contextual

Também haverá mudanças na publicidade. Banners, pop-ups e outros formatos intrusivos de captura de atenção do consumidor serão obsoletos. Daqui para a frentes, os anúncios terão que ser cada vez mais relevantes e contextuais, e devem engajar com os devices do consumidor.

Os benefícios? Além do consumidor economizar tempo, o marketing não desperdiçará milhões com publicidade irrelevante.

Essa foi uma ideia do que a internet das coisas provocará em futuro próximo, não perca o trem e fique atento nisso, pois a oportunidade tem que ser aproveitada. Abraços.

Fonte: Proxxima

Escrito por
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Inscreva-se em nosso blog para receber nossos conteúdos por email

Guias

Inscreva-se em nosso blog para receber nossos conteúdos por email

Mais do meio

Quer receber mais conteúdos como esse de graça?

Inscreva-se para receber nossos conteúdos por e-mail e participe da comunidade da Leadlovers

Leadlovers Tecnologia
CNPJ: 22.799.684/0001-76
Rua do Semeador, 461 | CIC • Curitiba|PR • 81270-050
© 2015 – 2022 leadlovers